Sem categoria

A visitação de Maria à Isabel

Uma reflexão sobre o significado da visita de Maria a sua prima Isabel.

A Visitação da Virgem Maria a sua prima Santa Isabel, cuja festa comemoramos dia 31 de Maio, é um acontecimento no mínimo enigmático, que não compreendemos facilmente. Maria estava grávida e partiu para uma longa viagem, pois na época não havia as estradas e os meios de transporte de hoje. De Nazaré, na Galileia, até Ain Karin, na Judéia, onde morava Isabel são 150 quilômetros de distância. Para ir até a casa de sua prima eram necessários vários dias de viagem. Certamente não foi uma viagem fácil, principalmente por causa da gravidez de Maria. Por isso, não é fácil compreender o que levou Nossa Senhora a empreender essa caminhada.

Maria, contra todas as expectativas, depois de receber do anjo Gabriel o anúncio: “Conceberás e darás à luz um filho, e lhe porás o nome de Jesus” (Lc 1, 31), ela parte para a casa de Isabel. Lembre-se que Isabel estava grávida de seis meses (cf. Lc 1, 36). Quando Nossa Senhora saudou Isabel, “a criança pulou de alegria em seu ventre, e Isabel ficou repleta do Espírito Santo” (Lc, 1, 41). Era João Batista, primo de Jesus, que estava no ventre de Isabel e certamente teve sua vida marcada pelo seu encontro com o Verbo Encarnado.

Isabel, depois de saudar Maria, diz: “Como mereço que a mãe do meu Senhor venha me visitar? (Lc 1, 43). Ela diz isso por que Nossa Senhora, sua prima, estava grávida do Verbo Encarnado e, por isso, estranha a sua visita. Isabel também não compreendeu o motivo daquela visita inesperada de Maria, principalmente por que ela seria mão do seu Senhor.

Para iluminar a nossa reflexão, voltemos ao que Maria disse depois do anúncio do Anjo: “Eis aqui a serva do Senhor! Faça-se em mim segundo a tua palavra” (Lc 1, 38). Algumas traduções trazem, no lugar de “serva”, o termo “escrava”. Para entender o que isso significa, é preciso compreender o que significava ser escravo naquela época. Para o povo judeu, ser escravo é ter um “senhor” à quem devia obediência. Porém, não como na escravidão que houve aqui no Brasil.

Os servos, ou escravos, naquele tempo, serviam a seus senhores mas tinham seus direitos garantidos pela Lei judaica. Maria se fez serva em obediência, não a um senhor ou patrão, mas ao Senhor dos Céus e da Terra. Por isso, não se apegou a sua condição de Mãe do Verbo, Jesus Cristo, mas colocou-se a serviço de sua prima. Ficou com ela durante os três meses (cf. Lc, 1, 56) que faltavam para Isabel dar à luz a João Batista (cf. Lc 1, 60-63).

Maria, aquela que é a “cheia de graça” (cf. Lc 1, 28), escolhida para ser a Mãe de Jesus, Nosso Senhor, empreende uma longa viagem para ficar com Isabel, cuidar dela nos últimos dias de sua gravidez. Nesse gesto de Maria somos formados para também nos colocar como servos, como escravos do Senhor dos Céus e da Terra. Ser servo de Deus é uma grande dignidade, por isso, para que não nos orgulhemos, Nossa Senhora nos convida a assumir a postura de nos colocar a serviço dos nossos irmãos. Que esta reflexão nos ajude a aprender, na escola da Virgem Maria, a humildade e o serviço ao Senhor e aos irmãos.

Por fim, convido você para conhecer a consagração a Maria, segundo o “Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem”, de São Luís Maria Grignion de Montfort. Pois, esta consagração é uma verdadeira escola de santidade, frequentada por inúmeros santos e santas, como São Pio de Pietrelcina, São João Bosco, Santa Terezinha. Saiba como fazer a consagração, para se tornar um escravo de amor da Virgem Maria.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

PALAVRA DO BISPO

Dom Romualdo

Bispo de Porto Nacional (TO)

Agenda Diocesana

fevereiro 2021

dom seg ter qua qui sex sáb
1
2
3
4
5
  • Posse - Pe…
6
  • Posse de P…
7
8
  • Norte3
9
10
11
  • Posse - Pe…
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

FACEBOOK

Assine a nossa newsletter

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!

Share This