VATICANO

VATICANO

CNBB

REGIÃO NORTE 3

Como fazer a devoção reparadora ao Coração de Nossa Mãe do Céu

A Virgem Maria havia solicitado à Irmã Lúcia de Fátima, que divulgasse a devoção reparadora ao seu Sagrado Coração: “O Meu Coração está cercado de espinhos, que os homens ingratos a todos os momentos Me cravam com blasfêmias e ingratidões. Tu, ao menos, vê de Me consolar, e anuncia ao mundo: ‘Aqueles que, durante cinco meses, no primeiro sábado, se confessarem, recebendo a Sagrada Comunhão, rezarem um Terço e Me fizerem companhia, pelo menos por quinze minutos, meditando os quinze mistérios do Rosário, com o fim de me desagravar, Eu prometo assistir-lhes, na hora da morte com todas as graças necessárias para a salvação dessas almas’.”

No dia 15 de fevereiro de 1926, voltando do jardim onde fora esvaziar a lixeira, Irmã Lúcia viu o Menino Jesus que lhe perguntou: – E tu tens espalhado, pelo mundo, aquilo que a Mãe do Céu te pediu?

Lúcia reconheceu que não havia obedecido. Então, o Menino Jesus lhe disse: – É verdade, minha filha, que muitas almas já me recebem, em cada primeiro sábado, em honra à Nossa Senhora e aos quinze mistérios do Rosário, mas, infelizmente, poucas o concluem, e as que perseveram, o fazem  com o fim de receberem as graças prometidas; Agradam-me mais as que fizerem os cinco meses com fervor e com o fim de desagravar o Coração de tua Mãe do Céu. Essas me agradam mais do que as que fizerem os 15, tíbias e indiferentes…

L’équipe de Marie de Nazareth

ASSINE NOSSA NEWSLETTER