VATICANO

VATICANO

CNBB

REGIÃO NORTE 3

“Eu sou a virgem dos pobres”

O Santuário de Notre-Dame de Banneux (Nossa Senhora de Banneux) (Bélgica), onde Maria se apresenta como Nossa Senhora dos Pobres, é um destacado local de oração, onde, a cada ano, mais de 600 mil peregrinos comparecem. As aparições de Banneux são oficialmente reconhecidas pela Igreja. Essas aparições tiveram início em 15 de janeiro de 1933, numa noite de domingo, quando Nossa Senhora apareceu pela primeira vez a Mariette Beco, no jardim de sua pequena casa. Ela tinha 12 anos, e era a mais velha dos sete filhos da família.

Na quarta-feira, 18 de janeiro, a Senhora a chamou, novamente, e ela se ajoelhou junto à vala, diante de uma poça d´água vinda de uma fonte. A Senhora lhe disse: Coloque suas mãos na água. Marieta fez o que a senhora pediu. E a Senhora continuou: Esta fonte está reservada para mim. Na quinta-feira, 19 de janeiro, fazia muito frio e o céu estava cinzento. A Senhora tornou a aparecer. Mariette perguntou-lhe: A senhora é tão bela! Quem é a senhora? Ao que a Senhora respondeu: ─ Eu sou a Virgem dos Pobres. Esta fonte é reservada para todas as nações, para aliviar os enfermos. Mariette agradeceu: ─ Obrigada, obrigada. E a Virgem acrescentou: ─ Vou rezar por você.

Trecho do site Internet oficial

ASSINE NOSSA NEWSLETTER