Sem categoria

O Senhor está perto

“Et Verbum carum factum est, et habitavit in nobis: et vidimus gloriam ejus, gloriam quase Unigeniti a Patre, plenum gratiae et Veritatis.”(Jo 1, 14)

No último domingo, dia 17 de dezembro, celebramos o 3.º Domingo do Advento, em que a Liturgia nos convidou à Alegria do Espírito, conforme pudemos observar já na Antífona de Entrada: “Alegrai-vos sempre no Senhor. De novo eu vos digo: alegrai-vos! O Senhor está perto!”

Esta é uma grande verdade: O Senhor está perto! Já estamos concluindo o Tempo do Advento, tempo de expectativa, e em breve celebraremos a grande festa da Solenidade do Natal de Nosso Senhor Jesus Cristo. As leituras da Liturgia nos ofereceram alguns caminhos práticos para que o nosso coração esteja pronto para acolher Jesus:

1.º “Estai sempre alegres!” (I Tes 5, 16)– A alegria, dom do Espírito Santo, precisa estar constantemente em nossas vidas, pois a vinda do Senhor é certa e não tardará. O Papa emérito Bento XVI, no Angelus do 3.º Domingo do Advento –Gaudete, dia 16 de dezembro de 2007, nos disse assim: “Portanto, a alegria cristã brota desta certeza: Deus está próximo, está comigo, está conosco, na alegria e no sofrimento, na saúde e na doença, como amigo e esposo fiel. E esta alegria persiste também nas provações, no próprio sofrimento, e não permanece na superfície, mas no profundo da pessoa que se recomenda a Deus e n’Ele confia.”

2.º -O segundo caminho vem ao encontro às palavras do Papa. Não podemos paralisar diante dos problemas ou dificuldades. Por isso São Paulo nos convida: “Dai graças em todas as circunstâncias, porque esta é a vontade de Deus, no Cristo Jesus, a vosso respeito.” (I Tes 5, 18). Dar graças a Deus significa louvar. Louvar nada mais é do que se dobrar diante de Deus e reconhecer a nossa pequenez diante da grandeza de Deus. É um constante renovar de nossas esperanças, acreditando que o Senhor quer sempre o melhor para nós e agirá no tempo certo. Nossa vida deve ser cheia de um constante louvor a Deus, em todas as circunstâncias.

3.º -“Orai sem cessar.” (I Tes 5, 17).O caminho da oração é o caminho mais curto para nos encontrarmos com o Senhor. Orar é falar com Deus, apresentar a Ele nossa vida, nossos anseios e também nossas dores, acreditando que Ele não nos abandona em tempo algum. São Tomás de Aquino disse que todas as graças que o Se­nhor, desde toda a eternidade, determinou conceder-nos, não as quer conceder a não ser por meio da oração. “A oração é necessária”, disse o santo, “não para que Deus conheça as nos­sas necessidades, mas para que fiquemos conhecendo a neces­sidade que temos de recorrer a Deus, reconhecendo-O como o único autor de todos os bens”.

Que Nossa Senhora Aparecida interceda para que sejamos livres de toda a maldade, e nos permita viver este Natal com alegria, vigilantes na oração e ação de graças, confiando ao Senhor o ano de 2018, na certeza de que pela graça da Efusão do Espírito Santo, estejamos com o coração aberto para acolher o Senhor Jesus, que está batendo à porta de nossos corações.

Feliz Natal e um Ano Novo repleto da graça de Deus!

Com minha bênção,
Pe. Heldeir Gomes Carneiro.
Coordenador Nacional do Ministério Cristo Sacerdote

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

PALAVRA DO BISPO

Dom Romualdo

Bispo de Porto Nacional (TO)

Agenda Diocesana

julho 2021

dom seg ter qua qui sex sáb
1
2
  • Presbitera…
3
4
5
6
7
8
9
  • Ordenação …
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

FACEBOOK

Assine a nossa newsletter

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!

Share This