VATICANO

VATICANO

CNBB

REGIÃO NORTE 3

Se eu tivesse uma Virgem Maria para mim…

Nos anos 1640, um jovem de Chablais (Alpes Franceses), há cinco anos possesso do demônio, foi levado ao túmulo de São Francisco de Sales, e foi liberado do maligno, cinco dias depois.

Questionado por um Bispo e por uma religiosa, Madre Françoise-Magdeleine de Changy (1611-1682), Superiora do primeiro mosteiro da Visitação, de Annecy, o demônio repetia furiosamente:

Ah! Por que é que eu tenho que deixar este homem? Madre De Changy gritou: Oh! Santa Mãe de Deus, rogai por nós! Maria, Mãe de Jesus, ajudai-nos.

Ouvindo estas palavras, Satanás redobrou seus terríveis bramidos, gritando: Maria!… Eu não tenho sequer a Virgem Maria… Se eu tivesse uma Virgem Maria para mim, como vós, eu não seria o que sou!…Se eu tivesse um só momento de todos os que vós perdeis, e uma Virgem Maria, eu não seria um demônio!

Segundo Le chapelet des enfants (O terço das crianças)

ASSINE NOSSA NEWSLETTER