VATICANO

VATICANO

CNBB

REGIÃO NORTE 3

SEMINARISTAS SÃO ADMITIDOS E RECEBEM MINISTÉRIOS EM SÃO PAULO

 

 

 

 

No dia de ontem, Solenidade de Pentecostes, a Diocese de Porto Nacional se alegrou com mais um passo dado rumo ao sacerdócio dos seus seminaristas que residem no Seminário Maria Mater Ecclesiae em Itapecerica da Serra-SP.
Dom Romualdo autorizou que o reitor desse seminário, Pe. Pierre Salabert, pudesse conferir o Acolitado e Admissão às Ordens Sacras aos seus seminaristas.
Na Santa Missa que ocorreu às 10h na capela do seminário, os seminaristas Guilherme Gomes e Jeferson Alves, do 3° de teologia, receberam o Acolitado. Nesta celebração, estiveram presentes, o assistente da teologia, Pe. Rafael Kizimia; os diretores espirituais, Pe. Ediclei Araújo e Pe. José Laboy; assistente da filosofia, Pe. Sérgio Espinoza e o diretor acadêmico, Pe. Cássio Barros. Em sua homilia, Pe. Pierre afirmou: “Ser constituído acólito é justamente ser constituído aquele que vai cuidar do Corpo de Cristo na Eucaristia, mas também, na sua Igreja. Por isso, ser constituído acólito é um chamado a viver e a construir a comunhão e a servir o Cristo nos seus membros mais chagados. Porque receber o ministério, não é uma condecoração, não como os soldados que recebem uma medalha após a guerra, mas dar um passo abraçando a vocação.”
Nas II Vésperas, às 18h50, foram admitidos entre os candidatos às Sagradas Ordens, os seminaristas Isack Oliveira e Thiago Augusto, 1° e 2° ano de teologia, respectivamente. Contou com a presença dos Padres Rafael Kizimia, Sérgio Espinoza, Ediclei Araújo e José Laboy. Antes de dar início ao rito de admissão, o Pe. Pierre fez uma reflexão, onde declarou: “Admissão significa, em síntese, um compromisso público de assumir a formação para o sacerdócio. São pessoas que depois de um percurso e discernimento, sentem que Deus está chamando e querem continuar. Então assumem publicamente o compromisso de continuar sua formação. É um compromisso sério de assumir a formação com todas as suas consequências. Deveríamos ver a formação como um relacionamento de amizade com Jesus, saber que Ele está perto de nós.”
Os seminaristas agradecem a Dom Romualdo pelo o voto de confiança como pai e pastor. Que Nossa Senhora das Mercês continue abençoando as vocações dessa Centenária Diocese.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER